Mrs. Smith and the world around

Quando vi a notícia de que a Angelina Jolie se tinha submetido a uma dupla mastectomia preventiva fiquei um bocado aparvalhada. Nunca fui fã, muito pelo contrário, já tenho levado com uns olhares muito desagradáveis quando digo que não acho a Angelina Jolie bonita. Mas tenho que admitir que é uma mulher sensual, e a ideia de remover uma parte do corpo tão simbólica como o peito é um bocado chocante.
Mas é o corpo dela e a vida dela. Não me parece que seja uma decisão que se tome de ânimo leve, e se ela a tomou foi porque sentiu que era o que tinha de fazer. Porque tem uma família, e não quer viver com a ameaça permanente do cancro.
E tornar essa decisão pública talvez possa despertar um bocadinho as cabeças adormecidas de que é composta a sociedade. Sobre o poder de decisão em todos os momentos da vida (e isto pode levar-nos a falar, por exemplo, da eutanásia), sobre a necessidade de prevenção de doenças (e tantas seriam as vantagens pessoais, sociais, económicas, de se investir mais na prevenção). Sobre muitas outras coisas, que têm de ser pensadas e debatidas, porque nos afectam a todos, mesmo que nos esforcemos por não pensar nelas.

Advertisements
This entry was posted in Ideias. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s